VILLALOBOS CABALLERO, M. A. A Vontade de Hannah Arendt na Banalidade do Mal: Podem os Juízes e os Promotores Distinguir a Maldade no Delito? Orientações e Perspectivas da Filosofia do Direito Penal. Revista Acadêmica Escola Superior do Ministério Público do Ceará, [S. l.], v. 14, n. 01, 2022. DOI: 10.54275/raesmpce.v14i01.220. Disponível em: https://revistaacademica.mpce.mp.br/revista/article/view/220. Acesso em: 6 dez. 2022.